(Ex.: Montadora, veículo, versão, ano, produto)
Translate: BR EN ES
 

A Fiat começa a vender no Brasil em fevereiro uma nova geração do comercial Ducato, que vem em 13 versões: três furgões de carga e duas ambulâncias (Cargo), quatro opções de passageiros mais uma com acesso para cadeirante (Minibus), duas opções Multi para transformações e o Chassi, que não tem carroceria. Entre os tamanhos de carrocerias há a inédita opção Extra Longo, com 6,35 m de comprimento, disponível nas configurações Minibus e Multi.

Além do novo desenho, o Ducato foi aprimorado em itens como as portas corrediças com guias de deslizamento na parte superior, portas traseiras que permitem abertura de 270° em todas as versões, piso mais baixo (47,4 cm do solo) e maiores dimensões. Ele está 16 cm mais longo nas versões com entre-eixos curto, 26 cm maior nas de entre-eixos médio e 34,5 cm  nos de medida longa. Também cresceu na altura: com o teto baixo ganha até 10 cm, e com teto alto, 5 cm. O peso máximo autorizado está 250 kg maior nas versões Multi e Minibus: 3.750 kg. A nova cabine traz angulação diferente da coluna de direção e maior campo visual. O utilitário está mais silencioso e com menos vibrações.

O motor permanece um turbodiesel de 2,3 litros, mas ganhou 3 cv (agora 130 cv com torque de 32,7 m.kgf) e a transmissão recebe sexta marcha. Com sistema EGR, que recircula os gases de escapamento, ele dispensa o Arla 32. O Ducato vem com controles eletrônicos de tração e de estabilidade, freios a disco nas quatro rodas com ABS e bolsas infláveis para motorista e passageiros. Acessórios Mopar incluem iluminação em leds do vão de carga, retrovisor central com câmera de manobras e engate removível para reboque.

[Fonte: Best Cars]